Crédito das fotos: Karen R. Igari

Crédito das fotos: Karen R. Igari

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

"A estória do crachá"


Era uma vez uma fazenda no Texas, Estados Unidos. Certo dia, chegou um fiscal do departamento de agricultura e ele foi falando num tom áspero com o velho fazendeiro. "Preciso inspecionar sua fazenda! Há suspeita de plantação ilegal de maconha!". O fazendeiro diz: "ok, mas não vá naquele campo ali". E aponta para uma certa área. O oficial "p" da vida diz indignado: "O senhor sabe que tenho o poder do governo federal comigo?". E tira do bolso um crachá... "Este crachá me dá a autoridade de ir onde quero. E entrar em qualquer propriedade. Não preciso pedir ou responder a nenhuma pergunta. Está claro? Me fiz entender?". O fazendeiro todo educado pede desculpas e volta para o que estava fazendo. Poucos minutos depois, o fazendeiro ouve uma gritaria e vê o oficial do governo federal correndo para salvar sua própria vida, perseguido pelo garanhão, o maior touro da fazenda. A cada passo, o touro ia chegando mais perto de dar uma chifrada, antes que o oficial conseguisse alcançar um lugar seguro. O oficial estava apavorado. O fazendeiro largou as ferramentas, correu pra cerca e gritou com todas as forças de seus pulmões: "Seu crachá, mostra o seu crachá!".

("A estória do crachá" - autor desconhecido)

Foto particular - KRI: foto tirada em Itu
Foto tirada em Itu, em 06/2014 (visão decepcionante de rio poluído por produtos químicos).