Crédito das fotos: Karen R. Igari

Crédito das fotos: Karen R. Igari

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

"Quero viver o agora e ser simplesmente quem sou"

Não me lembro qual foi a última vez que me perdi de mim.
Quando me desvinculei do meu passado, inclusive, de parte do meu eu.
Nem dei conta do correr do tempo, nem de todas as mudanças que devem ter ocorrido.
Por um breve momento, até pensei que o mundo havia parado.
Mas não parou...
Deparar com o novo, com pessoas que mudaram ou que apenas se distanciaram... 
Mas que agora são estranhas, ou melhor, que me veem como estranho...
Onde eu estava quando tudo o que era, já não é mais?!
Talvez, eu tenha me ausentado de mim mesmo.
Talvez, eu tenha entrado num universo que não era o meu.
Agora, não importa!
O que vale mesmo, daqui em diante, é que eu despertei.
Posso não recuperar o que passou.
Posso não ter acompanhado o que se modificou.
Mas posso refazer meus passos, traçar uma nova rota, recrutar quem não quero mais perder de vista, e estar presente, comigo mesmo e em mim.
Posso ser diferente, posso ser igual, posso ser eu mesmo, no meu tempo, no meu ritmo, com os meus pensamentos, com os meus sentimentos, com a minha fidelidade a mim mesmo...
Posso ser o que eu quiser e quando quiser...
Já me aprisionei demais... Já me ausentei demais...
Quero simplesmente viver o agora, sentir o hoje e ser apenas eu, na minha verdadeira essência.


(Freiheit)

Foto tirada em Abadiânia
Foto tirada em Abadiânia, em 05/2014.